Perguntas frequentes

It’s a website — so there’s no software to download — it all happens in the browser of your laptop, desktop, tablet, or phone. The videos play on most any device, but Season 1 includes touchable video simulations that may be too graphically intense (ha) to run well on some older devices.

Sim. OMGYes é para qualquer pessoa que se preocupa com o prazer sexual feminino e quer explorá-lo mais. Aproximadamente metade dos nossos usuários são mulheres, e a outra metade, homens. Algumas pessoas acessam o site sozinhas, outras com seus parceiros.

OMGYes não é sobre o básico. Não é um guia para ensinar "como fazer". A maioria das técnicas e formas de intensificar o prazer são informações que, literalmente, nunca haviam sido pesquisadas ​​antes. Você terá acesso a novas ideias para experimentar, novas perspectivas sobre o que você já faz e como aprimorar as suas técnicas.

Qualquer pagamento referente ao OMGYes é único. Você compra o acesso apenas uma vez e ele é seu. É como a compra de um livro. Não há assinaturas, portanto, não é preciso se preocupar com cancelamentos.

Ao comprar a Primeira Temporada, você ganha acesso às doze técnicas e qualquer conteúdo adicionado a essas técnicas no futuro. Porém, a Segunda Temporada será uma série separada, então você terá que comprá-la separadamente.

Some people have binged a whole Season of OMGyes in a weekend. But we recommend going through one topic per week, so you can really have time to explore and apply it all. It’s also great as together-time for a couple or for a group of friends - like watching a tv show together and chatting about it after.

We did a lot of testing with users to find the sweet spot of being in-depth but not too long--something fun you look forward to, not a task. It turns out shorter videos are better than long ones. So we try to keep each video to under 4 minutes. Often, diagrams or animations are the best way to get an idea across. The time passes quickly because this is fun stuff. It’s like hanging out with really open friends who are confiding in us the details of how they come...No one looks at their watches when that’s happening, do they?

Seria maravilhoso se as instituições públicas fizessem concessões para as pesquisas sobre o prazer! Infelizmente, nunca fizeram ou farão isso. Então temos que cobrar alguma coisa para pagar a pesquisa em andamento, a produção e os salários de uma equipe incrível que produz e mantém o OMGyes. Cada temporada é um pagamento único, similar à compra de um livro. Todos compreendemos que livros não são de graça porque é preciso dinheiro para fazê-los. Até mesmo livros científicos ou livros sobre o meio ambiente. Todos os que consideram o OMGyes valioso e importante estão financiando essa pesquisa e produção em andamento com seus pequenos pagamentos únicos, e agradecemos por isso!

Muitos! Um usuário nos escreveu e disse que aprendeu tudo o que funcionou melhor na cama com uma parceira realmente aberta que acendeu as luzes, mostrou-lhe em detalhes o que funcionou para ela e o deixou praticar até que ficou tudo claro. O OMGYes é como estar em uma sala com um monte de mulheres que são muito abertas como essa e depois receber simulações de alta tecnologia para tentar tudo e experimentar muitos estilos diferentes de orientação e feedback.

Braintree é o nosso processador de pagamento. É de propriedade do PayPal e todo o negócio deles garante que as informações de pagamento permanecem seguras - sendo essa a razão de também ser o processador de pagamento de empresas como Uber e Airbnb. Mais sobre a Braintree e Segurança

Temos gays, transexuais e não-binários em todos os níveis da nossa empresa e temos prestado muita atenção em como usamos os pronomes e informações presentes no site. A pesquisa que fizemos para a primeira temporada foi centrada no toque da vulva e realizou-se com alguém que se identificou como mulher.

Nosso plano é integrar mais e mais as experiências de todos os tipos de pessoas, conforme desenvolvemos mais conteúdo. Também temos planos de realizar a primeira investigação sobre as especificidades do prazer para as pessoas que fizeram uma transição!

Poxa, esperamos que todos estejam bem.

Não estamos nos autointitulando especialistas, acreditamos que a sabedoria coletiva de milhares é mais forte do que a opinião de qualquer pessoa.

Nós, porém, somos os primeiros e os únicos a realizar uma pesquisa científica em larga escala e nacionalmente representativa sobre os detalhes do toque e do prazer sexual.

Ótima pergunta.

O tabu que deixa as pessoas desconfortáveis ​​observando a anatomia feminina é o mesmo que manteve o prazer das mulheres oculto por tanto tempo. Nós estamos tentando acabar com esse tabu. As pessoas estão prontas para encarar, com a mente aberta, os detalhes que fazem toda a diferença.

Variações sutis na pressão, ângulo ou consistência proporcionam sensações muito diferentes. O que uma mulher considera como “movimento circular no clitóris” pode causar dor em outra mulher que também gosta de "movimentos circulares no clitóris". Você tem que se abrir e querer realmente enxergar que as variações existem e causam sensações diferentes em pessoas diferentes.

Obrigado. Também achamos legal. Você poderia fazer uma coisa: ajude-nos a espalhar a causa. Conte aos amigos sobre o OMGYES - poste, tweet, envie um link por e-mail. Ou, se você é um escritor, escreva uma crítica honesta e pessoal sobre a sua experiência com o site, seja como uma postagem na nossa página do Facebook ou uma postagem de blog. Falar abertamente sobre este tópico é o que ajuda a espalhar a causa!

Nós somos engenheiros, educadores, pesquisadores e cineastas que, francamente, buscávamos essas informações para nós mesmos. Nós não as encontramos, e por isso decidimos que elas deveriam vir à tona, por meio de pesquisas. Deixamos nossos outros empregos e nos aventuramos nessa jornada. Leia mais sobre nós e por que chegamos aqui.

Absolutamente.

E as pessoas são diferentes em muitos aspectos; ainda há vastos campos de estudo e pesquisa a explorar sobre as outras maneiras que funcionam. Simplesmente dizer que "todo mundo é diferente" é o modo mais comum que as pessoas usam para evitar temas considerados tabus.

Um dos achados mais interessantes do nosso estudo é que, na verdade, existem técnicas e variações comuns entre a maioria das mulheres. É por isso que nós estamos apresentando os conhecimentos e técnicas predominantes da nossa pesquisa. E, ao invés de apresentá-las como uma receita a ser seguida, as técnicas são consideradas como ingredientes que podem ser combinados em milhares de formas diferentes; assim você pode criar as suas próprias técnicas.

As especificidades do prazer feminino não têm sido alvo de pesquisas até hoje porque as grandes instituições que financiam pesquisas tentam se manter longe de escândalos. A indústria farmacêutica estuda distúrbios e doenças, a saúde pública estuda comportamentos gerais, a medicina e biologia estudam o que acontece dentro do corpo durante o orgasmo. Todos esses temas são "seguros" para a pesquisa, pois são considerados "decentes" pela nossa cultura. As formas reais e específicas de toques que são agradáveis ​​para as mulheres são consideradas obscenidades.

The women on OMGyes are regular people, not actors, who thought this information was important and courageously put themselves out there to benefit others. Their professions include literature professor, farmer, librarian, nurse, musician, biologist, student, teacher, surgeon, and more. They range in age from 20’s to 70’s and are from countries around the world.

When we put out a call for participants to appear on the site (like here for Season 3), we get thousands of applicants. Our production team chooses diverse, fun, relatable people who have personally had the breakthrough insights revealed by our research.

Escreva para support@omgyes.com e nós cuidaremos de você todos os dias comerciais. O problema mais comum que os clientes têm é que eles acidentalmente digitam errado o endereço de e-mail ao se inscrever e então o e-mail/senha corretos não funcionam. Se isso aconteceu com você, nos envie um e-mail para que possamos encontrar a conta e corrigi-la para você.

O PayPal não permite transações de qualquer tipo de conteúdo adulto nos seguintes países: Austrália, Azerbaijão, Bangladesh, Bielorrússia, Botsuana, Bulgária, China, Cuba, Egito, Estônia, Faixa de Gaza, Alemanha, Guiana, Hong Kong, Índia, Indonésia, Irã, Japão, Líbano, Líbia, Lituânia, Malásia, Malta, Coreia do Norte, Paquistão, Papua Nova Guiné, Filipinas, Rússia, Arábia Saudita, Cingapura, África do Sul, Coreia do Sul, Sri Lanka, Sudão, Síria, Taiwan, Tailândia, Uganda, Ucrânia, Vietnã

"OMG Yes" é uma sigla muito utilizada, que significa "Oh My God Yes!", em inglês. É o que muitas pessoas dizem ao sentir um prazer intenso, tanto dentro quanto fora do quarto.

Sim! Você pode trocar o idioma do OMGYes.com através das opções de idioma no canto inferior esquerdo de cada página. Atualmente, temos os seguintes idiomas disponíveis: English, Deutsch, Français, Español, Español (LA), Italiano, Português, Nederlands, 日本語, 한국어, 简体中文 e 繁體中文. Se o seu idioma ainda não está na lista, volte em breve, pois novos idiomas estarão disponíveis!

Sempre que o texto é apresentado como a voz do OMGYes, usamos o termo vulva quando estamos nos referindo à genitália externa feminina. Tomamos a decisão, no entanto, de não pedir às participantes (mulheres que aparecem nos vídeos e cujas respostas aparecem no texto citado) para alterar sua linguagem cotidiana. Queríamos que as entrevistas fossem improvisadas pelas mulheres falando franca e abertamente, como falariam com amigas. Experimentamos corrigir as participantes, mas as entrevistas, consequentemente, ficaram artificiais e nos sentimos invasivos. Então, permitimos que as participantes usassem a linguagem que fosse natural para elas.

A Season is simply our term for a set of OMGyes content that’s sold as a unit. If you ‘buy OMGyes,’ you’re buying one or more Seasons of OMGyes. Each has a different theme, with some surprise topics included. These additional topics are about powerful a-ha moments that really changed things for women we spoke to.

Season 1 contains 12 topics and 62 short videos exploring different aspects of external/ clitoral stimulation, and also dives into subjects like how much thinking can get in the way of (or enhance) pleasure. It has pioneering touchable videos, which allow you to practice techniques on virtual vulvas, guided by voice feedback from our participants. This is our debut effort that launched OMGyes. It’s gotten a lot of praise and attention, and we hope you love it as much as we do!

Season 2 contains 13 Topics and 82 short videos organized around the theme of penetration. It’s been a long time in the making, and we’re very excited to share it! You’ll find new science on everything from ingenious ways to stimulate the clit during penetration, to specific ways to play just inside the entrance of the vagina, to the real, honest ins and outs (ha!) of anal pleasure. Topics that may surprise you, like how women use their breath, or their muscles, to enhance pleasure and orgasm. New in Season Two are animations that let you to see what’s going on inside the vagina in different techniques.

Season 1 includes 11 touchable videos, which allow users to practice techniques they’ve just learned on a touchscreen or computer. Each of the women in Season 1 collaborated with our engineers to create a coded model of her preferences, reactions, and sensitivities. As you touch her simulation, you get the kinds of feedback she’d give, in her voice.

The simulations are a way of modeling different ways women actually give feedback to guide their partners to what feels best for them. This turns out to be the most important 'technique' of all when it comes to women's pleasure - guiding, suggesting, experimenting, listening and responding in real-time. (It's also a part of sex completely missing from sex scenes in TV/movies/porn!)

Because the simulations are so graphically intense (ha), they may not run on some older devices. Check to see if your device is compatible here.

Current plans for future seasons include Season 3 which will is about getting the most pleasure from sex toys. We’re creating a free-to-access resource about reclaiming sexual pleasure after trauma. There’s a team working on men’s pleasure. Another on trans pleasure including after gender affirming surgery. Still more working on pleasure in menopause and after childbirth. Some of these are already in the production phase. Thank you for making this all possible through your one-time contributions and spreading the word!

We’re going to keep doing more and more research and releasing more seasons of insights and techniques. We’ve just skimmed the surface — there’s SO MUCH MORE to discover and share.

Na sua fatura aparecerá apenas OMGYES.COM. Sem detalhes. Lembre-se: é uma cobrança única, como a compra de um livro que fica para sempre. Então não há nenhum custo recorrente ou a necessidade de cancelar alguma coisa.

Se você já tentou 'esqueci a senha' no omgyes.com/login e deu uma mensagem de erro, então mais provavelmente houve um erro de digitação em seu endereço de e-mail quando você se inscreveu. Isso acontece frequentemente e é facilmente corrigido - basta enviar um e-mail para o support@omgyes.com, encontraremos sua conta e a corrigiremos para você!

Se você está recebendo um código de erro, envie-o para support@omgyes.com juntamente com o método de pagamento que você está usando e podemos investigar o que está acontecendo. Por favor, não envie informações pessoais, como números de cartão de crédito via e-mail.

Ver tudo